Doenças infantis com erupções cutâneas
Doenças infantis com erupções cutâneas
https://www.bebitus.pt/guia/sites/default/files/artikel/big/2017-06/kleinkind_kinderkrankheiten_ringelroeteln_artikel.jpg
Certificado por médico

Doenças infantis com erupções cutâneas

Além da febre e dos sintomas de constipação, como a tosse e a secreção nasal, estas doenças manifestam-se com o aparecimento de pequenas pústulas, espinhas ou manchas em algumas partes do corpo.

O sarampo, a varicela, a escarlatina e a rubéola são alguns dos exemplos de doenças infantis comuns com erupções cutâneas, que são desencadeadas por vírus e bactérias, e transmitidas pelas mãos e pelo ar, como é o caso dos espirros e da tosse.

Redação Bebitus
de Redação Bebitus
Ter, 2019-02-26 14:17 Thu, 07/25/2019 - 15:11


Em qualquer caso, deve consultar um médico, pois muitas doenças na infância são super contagiosas. Atualmente, as crianças podem ser vacinadas com uma vacina tríplice contra o sarampo, a papeira e a rubéola (VASPR) e contra a varicela.

As erupções cutâneas também ocorrem em bebés e crianças, como consequência de alergias ou pragas de ácaros.

Resume das mais importantes doenças infantis com erupções cutâneas

Exantema Súbito (ou Sexta Doença)

O Exantema súbito ocorre mais frequentemente em bebés entre seis e 12 meses. Durante três dias, a criança tem febre alta, à volta de 40°C, embora depois a temperatura diminua rapidamente. Quando a criança deixa de ter febre, muitas vezes há uma erupção vermelha irregular na cabeça e no tronco que começa a desaparecer após dois dias.

A Sexta Doença é transmitida por tosse e contato. A fase de contágio desaparece quando a erupção se manifesta pela primeira vez. O período de incubação, que é o intervalo de tempo entre a infeção e o início da doença, dura entre cinco e 15 dias.

Sarampo

O sarampo é uma doença viral que geralmente se manifesta com sintomas muito semelhantes aos da gripe como febre, tosse e catarro. A típica erupção cutânea são as manchas vermelhas claras que aparecem cerca de quatro dias depois, podendo causar comichão intensa. Essa erupção aparece primeiro no rosto e atrás das orelhas e, depois, estende-se pelo tronco e pernas.

Ao contrair sarampo, as crianças geralmente têm muita tosse e febre bastante alta, que pode atingir mais de 40°C. Durante a doença, elas estão muito débeis e sensíveis à luz, por isso precisam de repouso absoluto. A febre e a erupção começam a desaparecer cerca de quatro dias mais tarde.

O sarampo é uma doença viral altamente contagiosa cujos agentes patogénicos são transmitidos por gotículas dispersas no ar. Graças à vacinação, o sarampo tornou-se numa doença relativamente rara nas pessoas. O período de incubação é de uma a três semanas.

Eritema Infecioso (ou Quinta Doença)

O Eritema Infecioso caracteriza-se por uma erupção cutânea lenticular vermelha que aparece no rosto e pode-se estender pelo corpo todo. Em alguns casos, surgem tantos pontinhos que se juntam em círculos. Agentes patogénicos são vírus transmitidos por gotículas no ar.

A constipação, a febre baixa e a dor de cabeça e garganta podem ser sintomas da doença, embora a erupção não apareça até dez dias mais tarde. Após cerca de uma semana, a erupção começa a desaparecer. A quinta doença manifesta-se, geralmente nas crianças, de forma muito leve, por isso não requer nenhum tratamento. No entanto, pode-se tornar perigosa em mulheres grávidas. O período de incubação dura de duas a três semanas.

Rubéola

A rubéola é uma doença viral que aparece nas crianças mediante uma inflamação dos gânglios linfáticos atrás das orelhas. Um ou dois dias depois há erupções cutâneas vermelhas claras que normalmente começam a surgir na parte de trás das orelhas e, depois, espalham-se pelo corpo todo.

A erupção cutânea é acompanhada de febre e inflamação dolorosa nos gânglios linfáticos da garganta. É uma doença leve nas crianças e as manchas reduzem-se bastante depois de um ou três dias. A vacina VASPR protege muitas crianças contra a rubéola.

No entanto, a rubéola é perigosa nas mulheres grávidas, pois pode causar graves malformações no feto durante os primeiros três meses de gravidez. O período de incubação é entre duas e três semanas.

Escarlatina

A escarlatina é uma doença infantil que se caracteriza pela chamada "língua de morango ou de framboesa" e que costuma aparecer nas crianças entre os três e os oito anos de idade. No início, a língua fica branca e, depois de alguns dias, fica vermelha e inchada.

Além disso, muitas crianças têm mau hálito. A escarlatina manifesta-se com febre, dificuldade para engolir e dor forte na garganta. Durante os próximos dois dias, as crianças podem apresentar uma típica erupção cutânea em forma de pontos densos, como cabeças de alfinete, que se estendem por todo o corpo desde as axilas até às virilhas.

A doença desaparece entre dois e seis dias depois. As compressas para o pescoço e o chã de sálvia ajudam a aliviar a dor de garganta. A escarlatina é uma doença causada por bactérias estreptocócicas que são transmitidas por gotículas no ar ou pelo contato com objetos e superfícies contaminadas. O período de incubação dura de dois a quatro dias.

Regra geral, a escarlatina nas crianças trata-se com penicilina. Isso pode prevenir complicações, como otite média ou pus nas amígdalas. Além disso, a administração de penicilina reduz o risco de infeção a um dia, enquanto, sem ela, as crianças podem ser contagiosas até duas semanas.

Varicela

A varicela é uma doença muito comum desencadeada por um vírus que é transmitido pela tosse e pelos espirros. Além disso, os vírus podem causar infeções mesmo a grandes distâncias.

Cerca de duas semanas após a infeção, a criança sente-se fraca e com febre. A varicela pode apresentar diferentes graus de intensidade nas crianças. Frequentemente formam-se vesículas que produzem comichão e que aparecem no rosto, espalhando-se mais tarde pelo tronco, braços e pernas.

As vesículas também podem infetar as membranas mucosas dos olhos, boca, faringe e genitais. A erupção desaparece uma semana ou duas depois. As crianças devem evitar arranhar os pontinhos para não ficarem irritados e para evitar futuras cicatrizes.

Para aliviar a comichão, pode aplicar uma diluição de camomila ou pomada de zinco nas borbulhas. A vacina Tríplice protege os bebés contra a varicela.

Febre aftosa humana

A febre aftosa humana produz manchas avermelhadas na boca, nas palmas das mãos e nas plantas dos pés. A erupção cutânea não causa comichão e desaparece após dez dias, mas a doença é muito desagradável, pois podem aparecer borbulhas dolorosas na boca.

Os alimentos frios e líquidos, como iogurte e papa, são muito bons para a criança. Assim sendo, deve evitar alimentos ácidos, pois irritam a mucosa oral que está afetada. Esta doença pode causar febre, dor de estômago e vómitos.

A febre aftosa é uma infeção viral transmitida pelo ar e é contraída principalmente em espaços lúdicos e creches. O período de incubação dura aproximadamente de três a seis dias.

Erupção cutânea em crianças: outras causas

Urticária

A urticária gera comichão intensa e pintas rosáceas ou avermelhadas, muito semelhantes à irritação da pele causada pelo contato com urtiga. O frio, as alergias alimentares ou as infeções podem ser o ponto de partida para o seu aparecimento.

A urticária também provoca febre leve ou moderada. Os médicos geralmente prescrevem anti-histamínicos para aliviar os sintomas, especialmente, a comichão.

Alergias

Nas crianças, as erupções cutâneas também podem ser reações alérgicas. Dependendo da alergia, a reação ocorre após o contato direto com a pele, embora em alguns casos apareça mais tarde. Através de um teste de alergia, o médico pode determinar qual foi a substância que desencadeou a reação.

Micose

A micose reconhece-se facilmente pela presença de uma erupção cutânea em forma de anel que aparece no peito, na barriga ou nas costas. A parte externa do herpes pode provocar crosta e muita comichão. A micose é uma infeção da pele causada por um fungo que pode ser transmitido, por exemplo, dos animais de estimação que estão infetados para as crianças. Se suspeitar de micose, consulte o pediatra.

Sarna

Os sintomas da sarna incluem comichão intensa e erupções cutâneas irregulares causadas pelos ácaros. Os parasitas penetram na pele da criança, depositam os seus ovos e causam uma reação na pele. A comichão é mais forte com o calor.

A sarna é muito contagiosa e transmitida por contato direto com a pele. Esta infeção por ácaros é tratada, normalmente, com uma pomada prescrita pelo médico. A substância ativa elimina os ácaros e previne o aparecimento de uma nova infeção.

Certificado por médico

Este artigo foi revisado por nossa equipe de especialistas.

Certificado por médico

Este artigo foi revisado por nossa equipe de especialistas.

Newsletter

Unsere Newsletter

Mehr Infos, passend zu Ihren Bedürfnissen!

  • Wertvolle Tipps zu Schwangerschaft und Kindesentwicklung
  • Spannende Angebote & Rabatte
  • 5 € windeln.de Gutschein

Jetzt anmelden